Watch Dogs

Fala galera do Censura, hoje vou contar aqui um pouquinho de um bom game, Watch Dogs.

Watch Dogs é um game da Ubisoft Montreal que estourou em 2014, principalmente por ser um dos games que exploraram a sacada do mundo aberto. O jogo conta a história de Aiden Pearce, um hacker muito inteligente que tem sua sobrinha acidentalmente assassinada, uma vez que a vítima era para ser ele.

Aiden vive como um vigilante, em uma versão fictícia da cidade de Chicago, que é policiada por um sistema avançado de segurança cibernética. O tema explorado pelo jogo, o ciberativismo, até bombou depois dos acontecimentos da descoberta de investigações sigilosas que o governo dos Estados Unidos faziam através da internet e de coleta de dados, além também das atuais divulgações de grupos ocultos Hackers que ficaram mundialmente famosos por caírem na boca da mídia.

De modo geral ele foi bem aclamado pela crítica e pelos gamers mas não trouxe muita coisa de inovação dos games da Ubisoft.

Pontos Positivos

Analisando de uma forma geral, o game possui uma jogabilidade muito boa, o enredo principal da história prende muito quem está na frente do PC e te dá sempre a ansiedade para desvendar, cada vez mais, as coisas dentro do game.

Para quem gosta do modo multiplayer, ele tem imensas possibilidades de interação também e é muito bem planejada.

O que mais me chamou a atenção foi o uso dos veículos, que são sempre uma mão na roda para você seguir pelo jogo. Imensa variedade e facilmente conseguidos também, mesmo que seja preciso realizar um furto, porém neste caso você terá que se distanciar um pouco dos objetivos e fugir da polícia antes de continuar sua história.

01

As armas e os elementos de hackeamento também são muito empolgantes, como por exemplo usar uma sniper para eliminar os inimigos com eficiência, uso de pistolas com silenciador para manter-se no modo stealth e a possibilidade de hackear smartphones, câmeras, interferir na comunicação dos inimigos e até gerar um apagão geral na cidade. Tudo isso deixa o jogo muito excitante e cria imensas possibilidades de interação nas missões.

02

Pontos Negativos

Os pontos negativos não foram tantos, porém houveram alguns. A usabilidade do jogo para trocar armas e itens não é das melhores, exige uma certa pausa para poder acertar os itens e armas necessários e, em certas partes de ação, essa pausa gera muitos problemas.

03

Outra coisa que observei é que a polícia, apesar de muito bem aplicada ao jogo, tem um ponto falho: o mar. Para fugir é preciso sair do alcance de busca no mapa, ou despistar, porém se você for para o litoral, pegar um barco e se mandar, facilmente você consegue fugir da visão deles, pois a única coisa que a polícia pode usar para sair de terra são os helicópteros e eles são lentos, então este talvez seja um ponto errôneo no jogo.

04

Outro problema é referente também a usabilidade. Você possui várias opções no menu do seu smartphone que não foram bem exploradas, pois apenas servem de um incremento, nada ali se torna extremamente necessário, se você quiser pode zerar o jogo sem nem prestar a atenção nisso.

O jogo é muito bom, te dá muitas alternativas de fugas e oportunidades muito legais para interagir dentro dele, mas, como eu disse, ele não traz muita coisa de novo para os mundos dos games, além da história principal, ele conta com vários mini games internos que você pode realizar para se distrair um pouco, porém nenhum destes pequenos games realmente chamam muita atenção.

Se você quer curtir o game, vai em frente eu recomendo, mas tenha um hardware bom, pois ele exige bastante processamento e memória que, se não atendido, fará muita falta para jogar de forma fluida.

Por fim, Watch Dogs te prende muito bem e sempre te deixa com um gostinho de quero mais, e claro que com muita vontade de ser um vigilante, gênio e hacker na vida real (e se você for um, somos amigos ;] ).

 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.