Os 10 melhores filmes de 2016

logo-melhores-filmes-2016Finalmente 2016 está chegando ao fim! Um ano marcado por muitas perdas importantes para a cultura pop e muitas decepções no cinema. Mas nem tudo foi ruim e surpresas boas também fizeram nossa felicidade nesse ano. Vamos agora listar os 10 filmes que representarão 2016!

Lembramos sempre que nossa lista expressa única e exclusivamente a opinião pessoal do autor, que leva em consideração apenas os filmes que assistiu, perante disponibilidade dos cinemas, considerando apenas os lançados em território brasileiro durante o período de 2016, analisando critérios tais como roteiro, relevância na cultura popular, diversão, surpresa, e a emoção causada pelo filme.

Não se esqueçam de fazer seu próprio top 10 nos comentários para dividirmos e, até mesmo, discutirmos nossas opiniões 😉

10º – Doutor Estranho

doutor-estranho

A Marvel continua acertando em seus filmes. Com um roteiro redondo e efeitos visuais psicodélicos, Doutor Estranho é mais um bom filme da Casa das Ideias. Com potencial suficiente para disputar um lugar melhor nessa lista, infelizmente a falta de coragem imposta pela já conceituada fórmula Marvel não permitiu que Doutor Estranho voasse mais alto na piração mística das magias dos personagens. Ainda assim, conquista nossa décima colocação. Clique para ver a crítica completa.

9º – Horizonte Profundo

horizonte-profundo

Baseado no desastre de maior impacto natural dos EUA, Horizonte Profundo é muito mais que apenas um filme-desastre. Mostrando toda a politicagem e a ganância nos bastidores do petróleo, o longa consegue manter a tensão com ótimos diálogos e bom roteiro. Mark Wahlberg protagoniza interpretando um dos sobreviventes do caso. Mesmo com a parte final cedendo a grandiloquência, Horizonte Profundo se prova suficientemente bom para a nona posição em nossa lista. Clique para ver a crítica completa.

8º – Os 8 Odiados

os-8-odiados

Os 8 Odiados é um filme difícil de se assistir. Com início lento, muitos personagens e pouca ação, pode até não parecer que estamos falando de uma obra do diretor Quentin Tarantino. Mas é na simplicidade de se passar em, praticamente, um único cenário que a genialidade do diretor aparece. Esse filme consegue desenvolver seus personagens como poucos o fazem. Baseado em diálogos rápidos e constantes, Os 8 Odiados é carregado de cultura americana e apresenta uma fotografia incrivelmente linda. O terceiro ato, porém, deixa claro que estamos diante de um bom e velho Tarantino. Vale lembrar que Os 8 Odiados chegou nos cinemas originalmente no final de 2015, porém estreou apenas em janeiro de 2016 no Brasil.

7º – Capitão América: Guerra Civil

capitao-america

Há quem considere Guerra Civil um dos melhores filmes de super heróis de todos os tempos. Há também a opinião de que tudo não passou de mais um filme, como já falamos na décima posição, preso na fórmula Marvel de ser. Pode-se dizer que eu fico entre os dois extremos. Capitão América: Guerra Civil é, sem dúvidas, um entretenimento excelente, cheio de cenas memoráveis de embate entre heróis, diálogos convincentes que te fazem até ficar dividido entre os lados da briga. Faltou, porém, mais uma vez, coragem por parte da Marvel em extrapolar seus conceitos, trazer mais gravidade ao longa e caprichar na parte final do roteiro. Isso sem falar em personagens mal utilizados… (sim, você, Zemo).

6º – Star Trek: Sem Fronteiras

star-trek-sem-fronteiras

Deixando de lado a necessidade de fazer remakes de histórias antigas e se jogando no novo, no desconhecido, Star Trek: Sem Fronteiras conseguiu trazer um espírito de aventura incrível aos fãs do gênero. Respeitando e homenageando o original de forma emocionante, esse filme também trouxe novos personagens, raças, planetas e evoluiu a mitologia da franquia. Com roteiro bem feito e um vilão interessante, Star Trek figura nosso sexto lugar nos melhores do ano. Clique para ver a crítica completa.

5º – Batman V Superman: A Origem da Justiça

batman-v-superman

POLÊMICO! Esse é o primeiro adjetivo ao ver Batman V Superman em quinto lugar numa lista de melhores filmes do ano. Embora a crítica, em sua grande maioria, tenha detonado o filme, juntamente como muitos espectadores, não há como negar que o confronto dos super heróis mais conhecidos do universo ainda causa muito alvoroço sempre que é lembrado. E aí está o grande trunfo do filme: ele ainda é sempre lembrado. Um filme dessa magnitude tinha tudo para, claro, agradar a todos, mas optou por uma estratégia bem mais corajosa e inesperada que a concorrente. Com um clima pesado e sombrio, roteiro complexo (para o gênero) e lentidão na progressão, Batman V Superman merece posição central nos melhores do ano justamente por tais qualidades. Sim, qualidades, que fazem dele uma história mais adulta, repleta de referências das HQs e que traz muitos fan services. Clique para entender melhor nossa opinião na crítica completa.

4º – Rogue One: Uma História Star Wars

rogue-one

Segundo ano seguido que um título da franquia Star Wars entra para nossa lista. Sabendo-se que teremos um filme por ano, vamos torcer para que a qualidade continue assim! Em Rogue One, todos sabiam qual história seria contada, onde começava e para onde iria. O mérito, então, foi como essa história se desenvolveu, os personagens nela presentes e, o mais surpreendente, como o filme conseguiu construir e expandir o universo Star Wars de forma tão natural, tão cativante, se tornando perfeito para aqueles que ainda não acompanharam os outros filmes da série. Para mais detalhes, clique para ver a crítica completa.

3º – Deadpool

deadpool

Mudando completamente o estilo de se fazer filmes de super heróis, Deadpool provou que é possível aprender com erros do passado para criar um bom filme. De um orçamento bem mais modesto que outras produções do gênero, a criatividade para lidar com essas adversidades se sobressaiu, dando origem a uma das maiores surpresas de 2016. Ainda que todos esperassem por algo engraçado, as chances de dar errado eram enormes. Deadpool não só foi competente na produção como conquistou muita bilheteria mundialmente, garantindo uma continuação logo que estreou. Clique para ver a crítica completa.

2º – Creed: Nascido para Lutar

creed

Também lançado originalmente em 2015, chegando apenas esse ano no Brasil, Creed: Nascido para Lutar é um daqueles filmes que faz o espectador ir ao cinema pensando saber exatamente como será a projeção. Doce engano. Trazendo de volta um dos personagens mais icônicos do cinema, Rocky Balboa, de Sylvester Stallone, mas dando todo o espaço sob os holofotes para o personagem-título, Creed, o longa é a perfeita definição do conceito atual de remake/reboot. É a harmonia perfeita em reviver uma história contada anteriormente com o frescor de novos ares, andando pra frente na cronologia da franquia. Além disso, os atores dão show de atuação no roteiro emocionante da trama. Surpreendente e cativante.

1º – A Chegada

a-chegada

A mais grata surpresa de 2016. Mais um filme que também é facilmente rotulado como “apenas mais um de invasão alienígena”. Muito além disso, A Chegada utiliza-se do tema óbvio para tratar questões muito mais profundas de nós mesmos, da humanidade. Tendo como principal pilar a comunicação, o filme traz discussões acerca do comportamento separatista e egoísta dos humanos, das nossas crenças, necessidades e percepções. Contando com um visual sóbrio e fotografia incrível, a direção de Denis Villeneuve se mostra impecável, juntamente com as atuações de Amy Adams e Jeremy Renner. Apesar de ser surpreendente pelo tema por si só, A Chegada ainda foi capaz de entregar uma reviravolta no terceiro ato digna da expressão mind-blowing. Não deixe de conferir a crítica completa do melhor filme de 2016 clicando aqui.

Comentários

Formado em Ciência da Computação, técnico em Informática, analista de suporte, colunista de cinema no jornal Diário de Taubaté e administrador do site Censura Geek. Respiro o universo Geek todo o tempo. E ainda não conheço um fã de Batman maior que eu!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.