LEGO Batman: O Filme

LEGO Batman: O Filme

lego-batman-posterHá muito tempo, os bloquinhos coloridos de montar já deixaram de ser apenas brinquedos e vêm ganhando outras mídias. Sucesso com sua franquia de video games, em 2014 estreou seu primeiro longa no cinema. Outro acerto tão grande que, um dos melhores personagens LEGO, o Batman, já ganhou um filme para chamar de seu.

Colorido e peculiar. Assim é o visual que enche os olhos logo na sequência de entrada do longa. Um tanto acelerada, a ação acaba e revela a trama real por traz de um Batman sombrio e convencido, exibicionista e solitário. Seu maior medo passa longe de ser os vilões que enfrenta. Bastante sentimental, o filme aposta nas relações afetivas, como um todo, para demonstrar que a força de qualquer super herói está na união, na amizade. Mensagem contundente e nunca excessiva para ser passada para crianças, principal público alvo que se acaba de rir com as incontáveis piadinhas que se espalham por toda a projeção. Menção honrosa ao excelente trabalho da dublagem brasileira em adaptar todo o texto para uma linguagem excepcionalmente atual, com gírias e expressões que a criançada reconhece e adora.

Lego_batman_01

O diretor Chris McKay constrói um homem morcego que carrega o fardo de todas suas outras encarnações em quase 80 anos do personagem. Essa bagagem, além de servir como história de fundo, presenteia os fãs com referências incríveis ao passado do herói. Repleto de metalinguagem, o filme cita não só outras obras cinematográficas como brinca com séries e quadrinhos, mostrando claras intenções de conquistar muito além das crianças, mas agradar também os fanáticos da velha guarda. Aliás, muita coisa em LEGO Batman é destinada aos adultos. Desde piadas até insinuações, o roteiro é inteligentíssimo em aproveitar temas e situações bobinhas e espalhafatosas em algo profundo e atual. Sem esquecer a ótima trilha sonora que traz embalos dos modernos, com direito a heavy metal, aos clássicos dos anos 60.

Sem grandes reviravoltas e história simples, o filme triunfa em transformar toda aquela imagem soturna do Batman que vem sido martelada ao longo dos anos em algo leve, caricato e divertido, ainda que preserve as características do mesmo. Em tempos difíceis para a Warner Bros. e a DC Comics conseguirem reinventar o herói em carne e osso nas telonas, LEGO Batman mostra que o caminho certo nem sempre é o óbvio.

4

Giuseppe Turchetti

Formado em Ciência da Computação, técnico em Informática, analista de suporte, colunista de cinema no jornal Diário de Taubaté e administrador do Censura Geek. Respiro o universo Geek todo o tempo. E ainda não conheço um fã de Batman maior que eu!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *